domingo, 31 de outubro de 2010

VÔLEI FEMININO: BRASIL VENCE A HOLANDA, E SE CLASSIFICA À SEGUNDA FASE DO MUNDIAL

Em Hamamatsu, o Brasil, de Sheilla (foto, 13), com grande atuação, venceu a Holanda, por 3 sets X 0 (25/19, 25/18 e 25/14), e se classificou antecipadamente à segunda fase do Mundial de Vôlei Feminino.
"Foi nossa melhor partida. O time jogou bem em todos os fundamentos", afirmou o técnico José Roberto Guimarães.
Com três vitórias na competição, a seleção chegou a seis pontos na tabela e não pode mais ser alcançada por Holanda e Quênia. Dessa forma, já tem vaga garantida na próxima fase. A Itália, que venceu o Quênia por 3 sets X 0 neste domingo, também carimbou o passaporte para Nagoya.
As seleções terão um dia de folga nesta segunda-feira. Sem jogo, mas com treino pela manhã, já avisou José Roberto. O Brasil volta à quadra às 2h30 (de Brasília) de terça-feira, para enfrentar Porto Rico.
A equipe brasileira está evoluindo, e se mantiver a média de atuação da partida deste domingo, acredito que tenha condições de conquistar o inédito título da competição.
Imagem: Divulgação/FIVB

sábado, 30 de outubro de 2010

CAMPEONATO BRASILEIRO: CRUZEIRO VENCE, E EMPATA COM O FLUMINENSE, NA LIDERANÇA

O Botafogo, cada vez mais forte, venceu o Atlético-MG, por 2 X 0, na Arena do Jacaré, em Sete Lagoas. O Vasco, muito mal em campo, perdeu para o Vitória, por 4 X 2, no Barradão.
Nos outros jogos, o Inter ficou no empate com o Santos, em 1 X 1, no Beira-Rio; o Palmeiras venceu o desesperado Goiás, por 3 X 2, na Arena Barueri; o fortíssimo Cruzeiro, de Léo (foto) venceu o Grêmio Prudente, por 2 X 0, no Prudentão, empatando em pontos com o Fluminense, mas com desvantagem no saldo de gols (13 contra 20) e o Avaí venceu o Guarani, por 1 X 0, na Ressacada, mas segue na zona de rebaixamento.
Classificação
1º e 2º - Fluminense e Cruzeiro - 57 pontos
3º - Corinthians - 54 pontos
4º - Botafogo - 51 pontos
5º e 6º - Santos e Inter - 49 pontos
7º ao 10º - São Paulo, Atlético-PR, Grêmio e Palmeiras - 47 pontos
11º - Ceará - 43 pontos
12º - Vasco - 42 pontos
13º - Flamengo - 39 pontos
14º - Vitória - 37 pontos
15º - Atlético-GO - 36 pontos
16º - Guarani - 35 pontos
17º - Atlético-MG - 34 pontos
18º - Avaí - 33 pontos
19º - Goiás - 31 pontos
20º - Grêmio Prudente - 24 pontos
Foto: Agência Estado

VÔLEI: BRASIL VENCE A REPÚBLICA TCHECA, NO MUNDIAL

Em Hamamatsu, o Brasil, mesmo jogando mal, venceu a República Tcheca, por 3 sets X 2 (22/25, 25/22, 23/25, 25/20 e 15/9), pelo Campeonato Mundial. Já com Natália, Sheilla (foto) e Adenízia, recuperadas de lesões, em quadra, a equipe teve falhas no ataque, mas conseguiu a segunda vitória na competição. As comandadas de José Roberto Guimarães voltam à quadra neste domingo, às 7h (de Brasília), contra a Holanda.
Começo a acreditar que a falta de Mari e Paula Pequeno será mais significativa do que eu esperava, e poderá atrapalhar muito a participação da equipe na competição.
Imagem: Divulgação/FIVB

sexta-feira, 29 de outubro de 2010

SELEÇÃO BRASILEIRA: MANO CONVOCA PARA AMISTOSO CONTRA A ARGENTINA

Ele está de volta. Mano Menezes convocou Ronaldinho Gaúcho para o confronto contra a Argentina, no próximo dia 17 de novembro, em Doha, no Qatar. Além dele, Neymar também está de volta. A outra novidade é que o meia Douglas, do Grêmio, foi chamado para o amistoso.
Ronaldinho Gaúcho não era chamado para a Seleção Brasileira desde março do ano passado. A última partida do jogador pela equipe nacional foi no dia 1º de abril, na vitória por 3 X 0 sobre o Peru, no Beira-Rio, pelas Eliminatórias da Copa do Mundo.
Mano disse que o retorno do camisa 80 do Milan, que não participará do clássico contra o Juventus neste fim de semana por causa de um incômodo muscular, se deve pela sua boa fase no futebol italiano e também por uma carência na armação de jogadas.
"Temos avaliado tudo aqui e entendemos que nesse momento poderíamos pensar novamente nele. É um jogador que vem com uma sequência boa em uma posição que precisamos. É uma referência e vai agregar valor à seleção para um setor que a gente ainda precisa evoluir e vai acrescentar nesse setor", afirmou Mano.
Neymar é outro que está de volta. Após não fazer parte do grupo nos amistosos contra o Irã (3 X 0), em Abu Dhabi, e Ucrânia (2 X 0), na Inglaterra, após problemas disciplinares no Santos, o jogador recebeu uma nova oportunidade de Mano Menezes. O atacante é tido como um dos principais jogadores do processo de renovação da Seleção após a Copa da África do Sul.
Mano indicou que o comportamento de Neymar continua sob observação, porém, valorizou a categoria do jovem santista.
"Só estamos tendo essa preocupação porque é um jogador de talento. Mas não precisamos passar do ponto. Agora, na medida certa, vamos interferir por estarmos mais próximos", declarou o técnico.
Vamos aos nomes.
Goleiros: Victor (Grêmio), Jefferson (Botafogo) e Neto (Atlético-PR)
Laterais: Daniel Alves (Barcelona-ESP), Rafael (Manchester United-ING), Adriano Corrêa (Barcelona-ESP) e André Santos (Fenerbahçe-TUR)
Zagueiros: Thiago Silva (Milan-ITA), David Luiz (Benfica-POR), Alex Costa (Chelsea-ING) e Réver (Atlético-MG)
Volantes: Lucas (Liverpool-ING), Ramires (Chelsea-ING), Sandro (Tottenham-ING) e Jucilei (Corinthians)
Meias: Douglas (Grêmio), Philippe Coutinho (Inter-ITA), Ronaldinho Gaúcho (Milan-ITA) e Elias (Corinthians)
Atacantes: Robinho (Milan-ITA), Alexandre Pato (Milan-ITA), André (Dínamo de Kiev-UCR) e Neymar (Santos)
A delegação brasileira segue para Doha no dia 14 de novembro. No dia 15, a equipe fará treinamento no estádio do Al Gharafa, time do meia Juninho Pernambucano, às 12h (de Brasília). Na véspera do amistoso contra os argentinos, os comandados de Mano Menezes fazem a movimentação no Kahlifa International Stadium, local da partida, às 14h. A Seleção, que ficará concentrada no Four Seasons Hotel, retorna no dia seguinte à partida.
Acredito que a convocação de Mano Menezes foi bem feita, e acho que o Brasil poderá manter os 100% de aproveitamento sob seu comando após a partida.
Na imagem: Neymar e Ronaldinho Gaúcho
Imagem: Getty Images

VÔLEI: BRASIL DETONA O QUÊNIA, NA ESTREIA DO MUNDIAL FEMININO

As quenianas tinham o apelido de Rainhas, por terem superado dificuldades dentro e fora das quadras para chegar ao Mundial do Japão. Mas nesta sexta-feira, elas foram destronadas pelo Brasil, que venceu por 3 sets X 0 (25/11, 25/16 e 25/11), em Hamamatsu, pela estreia do Campeonato Mundial Feminino. Três jogadoras muito importantes da equipe, as atacantes Natália, Adenízia e Sheilla, foram poupadas, e não entraram em quadra. Os pontos fortes para a vitória foram os saques de Sassá (foto, 10) e os ataques de Jaqueline. Mas, mesmo com a boa vitória, a equipe brasileira mostrou falhas na defesa, decorrentes talvez do nervosismo da estreia. O Brasil volta à quadra às 2h (de Brasília) deste sábado, contra a República Tcheca, que estreia no Mundial ainda nesta sexta-feira contra a Holanda.
Mesmo desfalcada das importantíssimas atacantes Mari e Paula Pequeno, lesionadas, acredito na força da equipe brasileira para a disputa da competição.
Imagem: Divulgação/FIVB

CAMPEONATO BRASILEIRO: FLUMINENSE ABRE TRÊS PONTOS NA LIDERANÇA

Na quarta-feira, o Flamengo empatou com o Corinthians, em 1 X 1, no Engenhão. O Fluminense, de Conca (foto), na quinta-feira, venceu o Grêmio, por 2 X 0, no mesmo local, e abriu três pontos na liderança.
Nos outros jogos, ambos na quinta-feira, o Atlético-GO empatou com o Ceará, em 1 X 1, no Serra Dourada, e o São Paulo venceu o Atlético-PR, por 2 X 1, na Arena Barueri.
Com o 2º turno das eleições para Presidente da República, entre Dilma Rousseff e José Serra, no próximo domingo, não haverá jogos neste dia, e a disputa das seguintes partidas completará a 32ª rodada, no sábado: Vitória X Vasco, no Barradão, e Inter X Santos, no Beira-Rio, ambos às 16h; Atlético-MG X Botafogo, na Arena do Jacaré, em Sete Lagoas; Palmeiras X Goiás, na Arena Barueri; Grêmio Prudente X Cruzeiro, no Prudentão, e Avaí X Guarani, na Ressacada, todos às 18h30.
Classificação
1º - Fluminense - 57 pontos
2º e 3º - Corinthians e Cruzeiro - 54 pontos
4º ao 6º - Santos, Inter e Botafogo - 48 pontos
7º ao 9º - São Paulo, Atlético-PR e Grêmio - 47 pontos
10º - Palmeiras - 44 pontos
11º - Ceará - 43 pontos
12º - Vasco - 42 pontos
13º - Flamengo - 39 pontos
14º - Atlético-GO - 36 pontos
15º - Guarani - 35 pontos
16º - Atlético-MG - 34 pontos
17º - Vitória - 34 pontos
18º - Goiás - 31 pontos
19º - Avaí - 30 pontos
20º - Grêmio Prudente - 24 pontos
Imagem: oglobo.globo.com

SURF: SLATER COM TUDO PARA SE TORNAR DECACAMPEÃO EM PORTO RICO

São excelentes as chances do americano Kelly Slater, 38 anos, se tornar campeão mundial pela 10ª vez já na etapa de Porto Rico, penúltima de 2010. Basta que Slater chegue às semifinais do torneio ou seu principal concorrente em 2010, o australiano Jordy Smith, não alcance as quartas de final. Se essas expectativas não se confirmarem, a decisão ficará para a última competição do ano, em Pipeline, Havaí.
A janela de espera começa no sábado e vai até o dia 10 de novembro. Na competição feminina, Stephanie Gilmore pode se tornar tetracampeã mundial.
Quem viver verá!
Imagem: ASP

quinta-feira, 28 de outubro de 2010

AUTO AJUDA: PALESTRA E DEBATE NA ALIANÇA FRANCESA

A Aliança Francesa de Niterói realizará palestra e debate sobre o tema aconselhamento vital. O palestrante é o psicólogo Eduardo Dutra Fonseca, autor do livro Aconselhamento Vital, que apresenta um novo enfoque para ajudar pessoas com problemas.
Hora e local: 5ª feira, 04 de novembro, às 19 h, na midiateca da Aliança Francesa de Niterói.
Endereço: Rua Lopes Trovão, 52 – 2º andar - Icaraí - Niterói
Inscrições: 2610-3966 / 2719-9619 / contato@afniteroi.com.br
Imagem: am.org

terça-feira, 26 de outubro de 2010

"CANHOTINHA DE OURO" FAZ ANÁLISE DO FUTEBOL DE ONTEM E DE HOJE

Conhecido como "Canhotinha de Ouro", Gérson de Oliveira Nunes, o Gérson, nascido em Niterói (RJ), no dia 11/01/1941, era um meio-campista com grande senso de organização de jogo, além de ser um jogador que era capaz de efetuar lançamentos colocando a bola no peito do atacante a 40 m de distância. Está entre os maiores craques da história do futebol brasileiro e mundial.
Defendeu Flamengo, Botafogo, São Paulo e Fluminense, clube do coração, onde encerrou carreira.
Era um jogador muito inteligente, o que lhe dava a condição de comandar não só o meio-campo, mas toda a equipe. Um grande líder, conquistando como craque do São Paulo entre 1970/71, 2 títulos paulistas, o primeiro acabando com um jejum da equipe de 13 anos sem títulos. Tanto sabia dar os lançamentos já ditos, quanto também um chutão para o lado, quando necessário, ou ainda atrasar uma bola para o goleiro após várias fintas na área. Um pouco antes da Copa de 1970, ainda haviam pessoas querendo ver Rivellino ou Ademir da Guia na posição que foi dele. Venceu 4 Campeonatos Cariocas (1 pelo Flamengo, 2 pelo Botafogo e 1 pelo Fluminense), 3 Torneios Rio-São Paulo (1 pelo Flamengo e 2 pelo Botafogo), 1 Campeonato Brasileiro (Taça Brasil, pelo Botafogo) e 2 Campeonatos Paulistas, além da Copa de 1970, no México, pela Seleção Brasileira, tendo jogado ainda a Copa de 1966, na Inglaterra.

GÉRSON, O "CANHOTINHA DE OURO"

Rafael Sardenberg: Você começou a carreira no Flamengo, clube mais popular do Brasil. Como era a emoção de jogar para aquela torcida?
Gérson: Bom, eu não comecei no Flamengo, eu comecei aqui no Canto do Rio, aqui em Niterói. E com 17 anos é que eu fui para o Flamengo. A emoção é igual em tudo quanto é lugar, embora a torcida do Flamengo, o que eles dizem, seja a maior do Brasil, mas eu joguei em times também, outros times, no Botafogo, no São Paulo e no Fluminense que também tem grandes torcidas. A emoção é indescritível, é pura emoção.

RS: Como você conseguia fazer a sua jogada mais característica, que eram os lançamentos capazes de colocar a bola no peito de um atacante a quarenta metros de distância?
G: Bom, eu treinava prá fazer isso. Eu, depois do treinamento, ficava um tempo (2, 3 horas). Eu botava uma baliza de salto na meia-lua de uma grande área, ficava na intermediária do outro lado e tinha que meter a bola por dentro. Não foi isso que aconteceu, mas eu buscava uma perfeição maior. E no jogo, acontecia, ali é uma barreira, o jogador em movimento, mexe para um lado, mexe para o outro, não fazia muita diferença, mas a maioria das vezes eu acertava. Isso me facilitava muito, porque eu não precisava correr tanto e às vezes eu colocava, numa fração de segundo, um companheiro mais próximo do gol, do que fazer um outro tipo de jogada.

RS: Você é um tricolor fanático. Quando encarava o Fluminense como adversário, como se sentia?
G: Eu encarava como profissional. Embora gostasse do Fluminense, mas eu encerrei minha carreira no Fluminense e não era para ter encerrado lá, era para ter encerrado no Botafogo. Eu saí do Botafogo para o São Paulo e, dois anos e onze meses depois, o Botafogo foi lá me buscar, mas não acertaram, o Fluminense foi lá, acertou e foi uma coincidência eu terminar a carreira no time de coração. E jogar contra ele, o lado profissional é que mandava.

RS: Você passou para a história também como um grande cobrador de faltas. Você treinava muito para isso?
G: Também treinava prá isso. Eu acho que o futebol é um negócio muito complicado, é simples para quem sabe, complicado para quem não sabe. Agora, você precisa aperfeiçoar. Isso é um dom, certo?, e você vai aperfeiçoar o que você sabe, com treinamento. Então, você tem que treinar para fazer a coisa que você sabe bem, certo? E isso era o que eu fazia.

RS: Você foi bicampeão paulista pelo São Paulo, entre 1970 e 1971. Como foi ser o principal jogador de um elenco que deu ao São Paulo títulos depois de longos anos sem conquistas?
G: Quando eu cheguei ao São Paulo... quer dizer, quando nós chegamos, porque o São Paulo foi montado de novo, há 13 anos não ganhava um título. Então, o São Paulo me contratou, contratou o Edson (Cegonha, que era jogador de meio-campo do Corinthians), contratou o Forlan, lateral-direito, contratou o Toninho Guerreiro, do Santos e trouxe o Paulo, ponta-direita, do juvenil e o Gilberto, que depois foi pro Santos, lateral-esquerdo, também da base, no primeiro ano. E aí fomos campeões. E no segundo ano, trouxe o Pedro Rocha (meia-atacante uruguaio). Quer dizer, então, precisou de várias contratações, reformulação quase total. E de treinadores também. Zezé Moreyra e o Brandão foram os dois treinadores campeões.

RS: Você é até hoje um dos maiores ídolos da história do Botafogo. Como você se sente com o fato de ter conseguido manter essa condição durante tanto tempo?
G: Talvez pelo bicampeonato e pelo time que nós tínhamos no Botafogo. Nós tínhamos seis jogadores da Seleção Brasileira e fomos bicampeões também, o Botafogo não era campeão há muito tempo. Fomos bicampeões da Taça Guanabara e do Campeonato Carioca.

RS: Partindo do fato que você defendeu muitos clubes (Flamengo, Botafogo, São Paulo, Fluminense e Seleção Brasileira), qual o mais habilidoso jogador que jogou ao seu lado, Gérson?
G: Ah, tem muitos jogadores. Nesses clubes todos, Seleção, muito complicado. A maioria com quem eu joguei, a maioria jogava bem. Eu tive sorte inclusive de pegar grandes atacantes e que me facilitavam o trabalho aqui de meio-campo. Essa consagração toda vinha graças a esses atacantes, que me facilitavam o trabalho. Porque eu posso deixar alguém de fora, aí é complicado.

RS: Você jogou em outra época. Qual a principal diferença entre o futebol de hoje e o do seu tempo?
G: É o preparo físico, porque tecnicamente não é. A minha geração tinha mais jogadores técnicos e a que antecedeu a minha, mais jogadores técnicos do que físicos, porque naquela época, o condicionamento físico, a tecnologia, não tinha alcançado o que alcançou hoje. A diferença é essa, é você pegar aqueles jogadores do passado tecnicamente falando com o preparo físico de hoje. Esses de hoje não iam levar a mala de material nossa.

RS: Você, após o seu final de carreira no futebol de campo profissional, jogava peladas às vezes na praia de Icaraí. O futebol de areia é o que mais exige preparo físico?
G: É. Porque eu, quando era profissional, jogava também na areia umas peladas, logo no início de carreira, depois não. Mas exige muito, porque areia "puxa" demais. É totalmente diferente, mas quem está acostumado não, machuca naturalmente, mas sabe onde pisa e como se conduzir. Agora, quando joga futebol profissional, que você está habituado ao profissionalismo, chuteira, essa coisa toda, que você volta pro campo de areia, é meio complicado, é meio arriscado, você pode ter uma contusão séria.

RS: No ano de 2006, morreu Telê Santana, grande ex-jogador (Fluminense) e tido por muitos como o melhor técnico da história do futebol brasileiro. O que você diria sobre Telê Santana?
G: Foi o mestre, foi um grande jogador, grande companheiro também, que eu joguei com ele, tive o prazer de jogar com ele. Um mestre na maneira de colocar um time, tendo ganho muitos títulos no começo da década de noventa com o São Paulo.

RS: Falemos agora de Ronaldinho Gaúcho. É um dos melhores jogadores que você já viu?
G: É um dos melhores. Ele é muito bom jogador: ele é inteligente, ele é rápido, é meio desconcertante com essas invenções desses dribles todos, isso é, não é comparando nada, mas o Garrincha fazia isso, inventava uns negócios lá na hora que você não sabia como fazer, o Ronaldinho tá indo pelo mesmo caminho.

RS: O que levou ao grande problema do futebol no que diz respeito aos grandes clubes brasileiros, que cada dia perdem mais cedo seus melhores atletas para o Velho Mundo (notadamente para a Itália e para a Espanha)?
G: Primeiro, administração. Mal administrados, com vários problemas de justiça, essas coisas todas que a gente tá vendo aí, essas leis que existem aqui no Brasil, que só favorecem aos empresários... porque tem empresário e empresário, tem o empresário sério e tem o empresário que pega o garoto, vai lá, vende jovem, dá de qualquer jeito, isso não é empresário, isso é um picareta qualquer que tem aí. Tem o empresário sério, tá certo? Essas leis todas que amparam isso, então, um menino hoje com 12, 13, 15 anos, ele tá indo embora, basta o pai assinar um documento, tá certo?, e ele vai embora. Ou então, quando a lei proíbe, tá certo?, eles dão emprego para o pai por lá. Aí, o pai pega o filho e leva. E aí? Não tem como você coibir. Agora, se tivesse aqui uma grande organização e essa organização dos clubes tivesse credibilidade, os empresários bancariam isso, e aí teria verba prá não deixar esses jogadores saírem, esses garotos saírem. Então, você vê que o meio-termo nosso saiu todo, ou os que estão começando, 8, 9, 10, 11 anos ou os velhos que estão voltando, e esse meio-termo, 15, 16, 17, 18, 19, 20, 21, 22, está todo fora, e isso é complicado para o jovem que vem chegando, porque ele não tem quem admirar, ele só vê os grandes ídolos nossos pela TV, não é como as gerações passadas, que você jogava com seus ídolos, você conversava com eles, você treinava com eles, como eu treinei com Didi, vi o Jair da Rosa Pinto jogar, vi o Zizinho jogar, você conversava com eles, você tinha como pegar alguma coisa deles, hoje você só vê pela TV, porque tão todos na Europa. Esse é que é o grande problema do futebol brasileiro. E com isso cai tremendamente o nível técnico aqui. Por isso é que nós temos um jogador só na Seleção Brasileira, nosso, que é o Ceni, porque o Ricardinho, não sei se o Ricardinho ainda é nosso, não era. Agora, tá no Corinthians, se não me engano emprestado ao Corinthians. Então, nós não temos. Antigamente, nós tínhamos quantos? Cinco, seis jogadores, só o Botafogo dava isso. Então, esse é o grande problema do futebol brasileiro. Organização, credibilidade e vergonha na cara. Isso é que falta ao nosso futebol.
Imagem: www.geocities.com

segunda-feira, 25 de outubro de 2010

OAB-NITERÓI TEM REUNIÃO COM ADVOGADOS, NO DIA 25 DE NOVEMBRO, PARA DEBATER LENTIDÃO DO JUDICIÁRIO ESTADUAL

A OAB-Niterói vai debater com advogados a morosidade da Justiça estadual, em encontro a ser realizado dia 25 de novembro, às 18 horas, no Plenário José Danir Siqueira do Nascimento.
Na pauta, constam demora no despacho, expedição alvarás, designação de audiências e elaboração dos cálculos, além do mau atendimento e a recusa dos magistrados em receber o advogado para despachar.
O presidente da entidade, Antonio José Barbosa da Silva, afirma ser necessário esse encontro para possibilitar a adoção de mecanismos a fim de reduzir a lentidão e melhorar o atendimento. Lembra que os advogados reconhecem que existem varas que funcionam e atendem bem.
Informa que o próximo encontro será com os advogados que militam na Justiça Federal.
Imagem: flickr.com

domingo, 24 de outubro de 2010

CAMPEONATO BRASILEIRO: FLUMINENSE VOLTA À LIDERANÇA, EMPATADO COM O CRUZEIRO, MAS COM VANTAGEM NO SALDO

Nessa rodada, foi o Botafogo que fez a alegria dos cariocas: no sábado, a equipe quebrou um jejum de nove jogos sem vencer, e superou o Vitória, por 1 X 0, no Engenhão. No domingo, o Fluminense, de Marquinho (foto, à frente) empatou com o Atlético-PR, na Arena da Baixada, em 2 X 2, e no clássico carioca, o Flamengo empatou com o Vasco, por 1 X 1. O tricolor carioca, empatado com o Cruzeiro em pontos, volta à liderança pelo saldo de gols: 18 a 11.
Nos outros jogos, no sábado, o Guarani perdeu para o Atlético-GO, em ascensão, por 1 X 0, no Brinco de Ouro da Princesa; no domingo, o Corinthians, tentando chegar à 2ª posição, venceu o Palmeiras, por 1 X 0, no Pacaembu; o Goiás, lutando desesperadamente contra o rebaixamento, superou o Avaí, também por 1 X 0, no Serra Dourada; o São Paulo, que lutava para se aproximar do G-4, perdeu para o Ceará, por 2 X 0, no Castelão; o Cruzeiro, em jogo prá cardíaco, foi derrotado pelo Atlético-MG, em ascensão, por 4 X 3, no Parque do Sabiá, em Uberlândia; o Santos perdeu, de virada, para o lanterna, e já rebaixado, Grêmio Prudente, por 3 X 2, com Neymar desperdiçando pênalti, e o Grêmio, em ascensão, empatou com o Inter, por 2 X 2, no Olímpico.
Classificação
1º e 2º - Fluminense e Cruzeiro - 54 pontos
3º - Corinthians - 53 pontos
4º a 6º - Santos, Inter e Botafogo - 48 pontos
7º e 8º - Atlético-PR e Grêmio - 47 pontos
9º e 10º - São Paulo e Palmeiras - 44 pontos
11º e 12º - Ceará e Vasco - 42 pontos
13º - Flamengo - 38 pontos
14º e 15º - Atlético-GO e Guarani - 35 pontos
16º e 17º - Atlético-MG e Vitória - 34 pontos
18º - Goiás - 31 pontos
19º - Avaí - 30 pontos
20º - Grêmio Prudente - 24 pontos
Imagem: Photocamera

F-1: ALONSO VENCE, NO GP DA COREIA DO SUL, E É NOVO LÍDER

No GP da Coreia do Sul, em Yeongam, o espanhol Fernando Alonso (foto), da Ferrari, venceu, favorecido pelo acidente de Webber e pela quebra de Vettel, ambos da RBR, e lidera o campeonato. Lewis Hamilton, da McLaren, foi o 2º, e Felipe Massa, da Ferrari, completou o pódio. Dos outros brasileiros, Rubens Barrichello, da Williams, foi o 7º, e Bruno Senna, da Hispania, o 14º. Lucas di Grassi, da VRT, não completou, devido a um acidente.
Imagem: Reuters

TÊNIS: FEDERER CONQUISTA ATP DE ESTOCOLMO

O atual nº 2 do ranking, o suíço Roger Federer (foto), venceu neste domingo o alemão Florian Mayer, por 2 sets X 0 (6/4 e 6/3), e sagrou-se campeão do ATP 250 de Estocolmo. Essa é a 64ª conquista de Federer em simples, igualando o americano Pete Sampras, que agora ocupam a quarta posição na lista dos maiores vencedores do tênis masculino. À frente dele, estão o americano Jimmy Connors, com 109, o tcheco Ivan Lendl (94) e o americano John McEnroe (77). Em 2010, esse é o terceiro título de Federer, que já havia conquistado o Australian Open e o Masters 1.000 de Cincinnati.
Imagem: Reuters

sábado, 23 de outubro de 2010

MÚSICA NO CORETO: FOI PEDIDO NO EI!... E ACONTECEU!

Na matéria “Campo de São Bento”, página central da edição nº 2 do EI!, o Sr. Gerson Abreu, por nós entrevistado, lamentou que o projeto que apresentava serestas no coreto não acontecia mais: “A música é a rainha das artes e faz falta nesse espaço.” “Quando acontece alguma apresentação de banda no Campo utilizam a pista de patinação. Mas o ideal seria que usassem o coreto. A propagação do som seria melhor e a visibilidade para o público também”.
Parabéns à Banda de Música do Colégio Plínio Leite por ter realizado, sob a regência de Josué Moreira Campos, sua apresentação no coreto do Campo na manhã de hoje. O fato de ter feito parte do bem organizado evento Dia do Cão e Gato, criado pelo Centro Universitário Plínio Leite há dez anos, e de ser dia de Feira de Artesanato no Campo, garantiu muitos espectadores. Todos felizes com som e visual de qualidade proporcionados tanto pela Banda quanto pelo coreto.
Imagem: Rafael Sardenberg

DIA DO CÃO E GATO

Há 10 anos o Centro Universitário Plínio Leite – UNIPLI criou o Dia do Cão e Gato e na manhã de hoje, no Campo de São Bento, realizou a festa comemorativa em 2010. Constaram do evento apresentações da Banda de Música do Colégio Plínio Leite e de peça de teatro infantil, bem como de orientações aos proprietários de animais prestadas por professores e alunos do Curso de Medicina Veterinária do UNIPLI.
Entre os espectadores Graça Pinto e seu animado trio.
Imagem: Rafael Sardenberg

DANÇAÇÃO

Foi um sucesso o evento beneficente Dançação, realizado neste sábado, das 9h às 19h, pela academia Amazonas Dance, na Rua Barão do Amazonas, 263, no Centro de Niterói, em prol da Casa de Acolhimento Cantinho dos Anjos. Todos os presentes dançaram bastante, e saíram muito alegres daquele evento em prol de uma organização que faz um belíssimo trabalho, louvável, frise-se que sem nenhum apoio de qualquer esfera de governo ou empresa, apenas com as doações de pessoas interessadas em ajudar.
Na imagem: Gustavo Loivos e Aletheia Hoppe,
sócios e professores da Amazonas Dance
Imagem: retirada do Orkut da Amazonas Dance

VAGAS PARA TRATAR DOENÇA DOS ‘OSSOS DE VIDRO’

O Instituto de Ortopedia do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da USP anunciou que está com seu ambulatório aberto para tratar novos casos de doença dos “ossos de vidro” (osteogênese imperfeita). Hereditária, a doença torna seus portadores frágeis como esculturas que se quebram ao menor toque, mas pode ser diagnosticada nos primeiros meses de vida da criança. O Ambulatório de Osteogênese Imperfeita está recebendo novos pacientes de 3 a 17 anos de idade, de ambos os sexos. O portador ou seu representante legal deve comparecer ao instituto de Ortopedia e Traumatologia do HC, de 2ª a 6ª feira, das 7 às 16 horas, para agendar a consulta, munido de documentos pessoais e encaminhamento médico com diagnóstico. Informações pelo telefone: (11) 3069-6943.

sexta-feira, 22 de outubro de 2010

DANÇAÇÃO

A Academia Amazonas Dance, na Rua Barão do Amazonas, 263, no Centro de Niterói, estará promovendo neste sábado o evento beneficente DançAção. O evento contará com massoterapia, alongamento, aula de yoga, se poderá dançar Samba, Forró, Salsa, Zouk, Dança Solta, Dança do Ventre, Ballet, Hip Hop, Jazz e Sapateado, e terá ainda recreação infantil. O evento começa às 9h, com café da manhã, e a entrada é 1kg de alimento não-perecível. Para mais informações, o telefone da Amazonas Dance é 2613-3276.
Imagem: portaldodjs.blogspot.com   

quinta-feira, 21 de outubro de 2010

LESÕES DE JOELHO EM ATLETAS DE FUTEBOL

Ser profissional na área dos esportes é o sonho de muitos jovens. Mas não é uma vida fácil. No futebol, por exemplo, as lesões de joelho são um problema relativamente comum entre os jogadores.
Profissionalização precoce
Os jogadores estão entrando cada vez mais precocemente em equipes profissionais e, dessa forma, sendo submetidos, sem sequer estarem com a parte muscular e óssea totalmente desenvolvida, a um intenso trabalho de preparação física. Segundo o Dr. Francisco de Paula Paranhos Neto, ortopedista e traumatologista da Clínica Artro, em Icaraí, a preparação física é sempre importante, mas independente da faixa etária, se o sistema músculo-esquelético for solicitado acima do que o organismo está preparado para suportar, os problemas poderão ocorrer. “Cada atleta deve aprender a respeitar os seus limites físicos, nas suas diferentes fases de preparação”, declara.
O movimento do giro
No futebol, existe um movimento importante, que consiste no giro. Para o Dr. Francisco essa jogada característica do futebol pode ser prejudicial ao joelho do atleta. “A partir do momento em que o giro ultrapassa a resistência dos meniscos e dos ligamentos, respectivamente amortecedores naturais e estabilizadores estáticos dos joelhos, pode haver uma ruptura parcial ou total dos mesmos”, afirma.
Principais traumas causadores da lesão de LCA
Dr. Francisco diz que os principais traumas que promovem a lesão do LCA são pelo fato de que no futebol o atleta é obrigado a imprimir velocidade na corrida e de repente realiza uma mudança na trajetória para efetuar um drible. Ele explica: “Na hora em que o atleta faz a mudança de base, há uma desaceleração com um relaxamento do quadríceps e dos músculos ísquio-tibiais. O jogador gira sobre o eixo do seu joelho e nesta hora a alavanca de força ultrapassa os limites da resistência ligamentar, ocorrendo, dessa forma, a ruptura”. Existem várias técnicas cirúrgicas para tratar as lesões do ligamento cruzado anterior do joelho, mas, segundo o ortopedista, atualmente, as técnicas artroscópicas são as minimamente invasivas e as de melhor recuperação.
O fator de crescimento
Dr. Francisco diz que uma técnica que já é realidade nesse sentido é a produção, em laboratório, de uma cultura de células cartilaginosas, a partir de um pequeno fragmento de cartilagem doado do paciente, que vai depois ser transplantada para o mesmo, para cobrir lesões cartilaginosas circunscritas no joelho”.
O caso Ronaldo – tratamento correto e muita garra
Ronaldo, o “Fenômeno”, é um jogador que já teve lesões bastante graves nos dois joelhos. Em todas essas situações, se disse que esse atleta nunca mais jogaria futebol profissionalmente, mas em todos esses momentos o jogador deu a volta por cima. Questionado sobre se existe um motivo específico para tal surpreendente recuperação, Dr. Francisco diz: “O Ronaldo, o “Fenômeno”, é um atleta de alto nível, de grande habilidade, técnica e explosão muscular, mas lhe falta o alongamento. Como atleta de alto nível foi exigido, cobrado, quem sabe até mais por si próprio do que pelos treinadores, equipe e dirigentes. Seus músculos e tendões foram sobrecarregados, levando a inflamações crônicas, as quais facilitaram as rupturas tendinosas. Ter recebido o tratamento cirúrgico e fisioterápico adequado foi extremamente importante para a sua recuperação, mas o que foi decisivo no seu retorno foi a sua superação pessoal, garra, dedicação e determinação”.
Imagem: cedida pelo Dr. Francisco Paranhos

BELEZA E BEM-ESTAR

Nem sempre uma consulta
ao dermatologista é uma questão de saúde física. Muitas vezes, trata-se de uma questão de bem-estar, que não deve ser confundida com pura vaidade. Sentir-se bem com o corpo, com a pele e com os cabelos, contribui muito para o equilíbrio psicológico.
Segundo a dermatologista Maria de Lourdes Maia Abreu “as mulheres buscam mais a dermatologia estética, mas os homens também já procuram essa especialidade”.
O desejo de uma pele perfeita, clara, sem manchas ou sinais, leva muitas pessoas ao dermatologista. “Existem vários procedimentos a oferecer nesse sentido, que funcionam de forma muito precisa, como medicamentos tópicos, laser e peeling”. Ela explica que os ácidos são muito usados, os preenchedores também, tanto tópico quanto injetável. “Nem todos são adequados; cada caso é um caso.” A Dra. Maria de Lourdes afirma que, do laser para ajudar nas rugas, no rejuvenescimento, nas cicatrizes, aos peelings, todos os procedimentos são procurados, por homens e mulheres, mas já existem clínicas só de homens, porque a procura vem se acentuando”.
Em relação à existência de alguma grande novidade na área da dermatologia estética, ela explica: “Antes, os preenchimentos eram feitos apenas com injetáveis, mas as pomadas e os cremes estão evoluindo. Demoram um pouco, porém se vê resultado”.
Para os homens, a queda de cabelo é uma grande preocupação e isso pode ser uma questão dermatológica, afirma a médica. E sobre o avanço da medicina, em relação a calvície ela diz: “Algumas pessoas que faziam tratamento para o coração com um determinado medicamento tinham a impressão que o cabelo estava crescendo”. Ela relata que esse remédio, que era, normalmente, usado na dose de 6mg, passou a ser usado na dose de apenas 1 mg, e com bons resultados. Segundo ela, já foram relatados problemas quanto à função erétil com o uso dessa medicação, mas que regridem com a suspensão do tratamento. “Essa substância se chama finasterida”, afirma. Ela alerta, porém, que o uso deve ser acompanhado por um dermatologista, e nunca por conta própria.
Imagem: fornecida pela Dra. Maria de Lourdes

quarta-feira, 20 de outubro de 2010

CINEMA DE GRAÇA

Em tempos em que os preços das sessões de cinema são caros, muito louvável a iniciativa da Aliança Francesa de oferecer arte e cultura gratuitas.
O Cine-club Jean Vigo (uma parceria entre a Aliança Francesa de Niterói, o Cineclube Sala Escura, o Laboratório de Investigação Audiovisual da Universidade Federal Fluminense e a Cinemateca do Consulado da França no Rio de Janeiro) apresenta o filme:
Pickpocket – 1959 FRA / Drama de Robert Bresson - 75 min.
Inspirado livremente no livro “Crime e castigo” de Fiódor Dostoiévski, o filme acompanha os assaltos e as tentativas de Michel (Martin LaSalle), um batedor de carteiras, de mudar de vida. Indicado ao Urso de Ouro no Festival de Berlim (Alemanha) de 1960.
O evento é gratuito e aberto a todos. A entrada será por ordem de chegada, sujeita à lotação das salas. As sessões são mensais e gratuitas (ultima 2ª feira de cada mês às 19h).
PROJEÇÃO: 25 de outubro às 19h.
LOCAL: Aliança Francesa de Niterói - Rua Lopes Trovão 52 – 2º andar - Icaraí - Niterói – RJ / 2610-3966.

terça-feira, 19 de outubro de 2010

NEUROREABILITAÇÃO: HOSPITAL GRATUITO

O Hospital Sarah Rio, especializado em neuroreabilitação, que funciona na Barra da Tijuca, Rio de Janeiro, está cadastrando, para atendimento gratuito, pacientes adultos e crianças com: paralisia cerebral; seqüelas de traumatismo craniano, de AVC, de hipóxia cerebral e de traumatismo medular; malformação cerebral; doenças de Alzheimer e demenciais em estágio inicial; doenças neuromusculares, como miopatias, neuropatias periféricas hereditárias e adquiridas; amiotrofia espinhal; doença de Parkinson e Parkinsonismo; ataxias; escleroses múltipla e lateral amiotrófica em estágio inicial; mielomeningocele; espinha bífida; paralisia facial; e crianças com atraso do desenvolvimento motor.
O cadastro é feito exclusivamente pelo telefone 3543-7600, de segunda à sexta feira, de 8:00 às 17:00h.

BARCAS: IDOSOS E OS ASSENTOS PREFERENCIAIS

A Lei determina que as concessionárias de transporte coletivo reservem assentos, devidamente identificados, aos idosos, gestantes, lactantes, pessoas portadoras de deficiência e pessoas acompanhadas por crianças de colo. As empresas que não oferecem o serviço são passíveis de multa.
Como usuária das barcas Rio-Niterói, observo que a ausência de fiscalização faz com que jovens ocupem os assentos de uso prioritário, inibindo a quem tem o direito de uso. Já presenciei cenas de constrangimento porque idosos, em pé, reclamavam da falta de respeito à Lei e os infratores até zombavam deles.
Por que a concessionária não coloca um funcionário para garantir esses assentos a quem tem direito? Por que o órgão público fiscalizador não toma nenhuma providência?
Alaíde de Lima - Niterói
Imagem: Rafael Sardenberg

domingo, 17 de outubro de 2010

CAMPEONATO BRASILEIRO: CRUZEIRO PERDE, MAS AINDA MANTÉM A LIDERANÇA

Dessa vez, foi o Flamengo, em ascensão, que fez a alegria dos cariocas, e goleou o Inter, por 3 X 0, no sábado, no Engenhão. No domingo, o Vasco, irregular, foi derrotado pelo Atlético-GO, por 2 X 0, enquanto no clássico entre Fluminense e Botafogo, os dois em queda, o placar não saiu do zero.
Nos outros jogos, no sábado, o Atlético-PR, em ascensão, venceu o Goiás, por 2 X 1; no domingo, o Atlético-MG, em recuperação, venceu o Avaí, por 2 X 0, mas se mantém no Z-4, no qual entrou, agora, também a equipe catarinense; o Grêmio venceu mais uma, dessa vez do líder Cruzeiro, de Montillo (foto), por 2 X 1; o Guarani ficou no zero com o Corinthians, cada vez mais em queda; o Palmeiras empatou com o Ceará, por 1 X 1; o Vitória venceu o lanterna, e digo, já rebaixado, Grêmio Prudente, por 2 X 0, e o São Paulo superou o Santos, por 4 X 3.
Classificação
1º - Cruzeiro - 54 pontos
2º - Fluminense - 53 pontos
3º - Corinthians - 50 pontos
4º - Santos - 48 pontos
5º - Inter - 47 pontos
6º e 7º - Atlético-PR e Grêmio - 46 pontos
8º - Botafogo - 45 pontos
9º e 10º - São Paulo e Palmeiras - 44 pontos
11º - Vasco - 41 pontos
12º - Ceará - 39 pontos
13º - Flamengo - 37 pontos
14º - Guarani - 35 pontos
15º - Vitória - 34 pontos
16º - Atlético-GO - 32 pontos
17º - Atlético-MG - 31 pontos
18º - Avaí - 30 pontos
19º - Goiás - 28 pontos
20º - Grêmio Prudente - 21 pontos
Imagem: rogerioperez.wordpress.com

TÊNIS: MASTER 1.000 DE XANGAI – NOVIDADE E SURPRESA

O britânico Andy Murray, jogando uma partida impecável, venceu Roger Federer por 2 sets a 0 (6/3 e 6/2) e sagrou-se campeão do Master 1.000 de Xangai.
A novidade é que Federer, que vinha se apresentando muito bem durante todo o torneio, ao bater o sérvio Novak Djokovic na semi-final, arrebatou-lhe o segundo lugar do ranking mundial. Entretanto, na final, o suiço não resistiu a um arrebatador Murray. Porém, apesar da conquista, o britânico segue em 4º no ranking, atrás de Djokovic.
A grande surpresa do torneio foi o fato de o nº 1 do mundo, o espanhol Rafael Nadal, haver sido eliminado pelo austríaco Jurgen Melzer, nas oitavas de final.
Imagem: AFP

VÔLEI FEMININO: BRASIL INVICTO É CAMPEÃO JUVENIL SUL-AMERICANO

Sem perder um set sequer durante a competição realizada na Colômbia, as brasileiras venceram as peruanas na final por 3 sets a 0 (25/15, 25/13 e 25/14). Com a vitória, o Brasil garantiu vaga no mundial que será realizado em 2011 no Peru. A equipe que disputou a final, dirigida por Luizomar de Moura, foi composta por Ana Beatriz, Carolina, Francynne, Gabriela, Priscila, Samara e Sthefanie.
A supremacia brasileira está comprovada pelo fato de haver vencido 16 dos 20 campeonatos sul-americanos já ocorridos.
Imagem: Divulgação / CBV

sábado, 16 de outubro de 2010

COLETA SELETIVA DE LIXO: VITAL PARA O PLANETA

Embora a maioria de nós não tenha plena consciência desse fato, a coleta seletiva de lixo é primordial na sustentabilidade do Planeta e, consequentemente, na sobrevivência de nossa espécie. A conservação da natureza e de um ambiente saudável e abundante para as próximas gerações é responsabilidade de todos. Visando a obter esclarecimentos sobre como é feita a coleta em nossa cidade, procuramos a Clin, Companhia de Limpeza Urbana de Niterói, e contatamos a Dra. Silvia Pires, bióloga e responsável pela Reciclin, setor de reciclagem da Empresa.
A coleta seletiva na cidade começou em 1991 de forma experimental no condomínio Grotão, em Itaipu, mas somente se destacou junto à população com melhor infra-estrutura em 1997.
A COLETA SELETIVA PORTA A PORTA
A Dra. Sílvia fez questão de explicar como funciona a coleta seletiva: “primeiramente tem que haver a conscientização por parte da população em separar e destinar seus resíduos recicláveis adequadamente. A coleta reciclável porta a porta é realizada para grandes geradores, como prédios e condomínios, através de uma rota pré-estabelecida.” Interessante ressaltar que os bairros mais engajados são aqueles que possuem maior concentração de comércio e casas, como Icaraí, Santa Rosa e Itaipu.
OS ECOPONTOS
O contribuinte pode também entregar seus resíduos em um dos Postos de Entrega Voluntária – Ecopontos - distribuídos pela cidade. Segundo a Dra. Sílvia, há grandes condomínios que fazem isso. “A Clin, em parceria com a Ampla, incentiva os pequenos geradores a destinar seus resíduos recicláveis a um desses Ecopontos, com a possibilidade de trocá-los por descontos na conta de luz”, explicou a bióloga.
COLETA DE RECICLÁVEIS É PEQUENA
A Clin coleta aproximadamente 250 toneladas/mês, ou seja, 3.000 toneladas/ano de recicláveis, o que representa cerca de 2% de todo resíduo domiciliar recolhido na cidade. Na visão do jornal EI!, esse percentual é muito baixo, principalmente se levarmos em conta os Estados Unidos, que reaproveitam mais da metade do lixo que geram. O Japão, a Alemanha e a Holanda, entre outros, também apresentam índice de reciclagem muito maior.
NÃO AO CRESCIMENTO DOS LIXÕES
A coleta seletiva é uma alternativa correta para que não sejam enviados resíduos sólidos recicláveis para os lixões que produzem efeitos perversos, como os que acabamos de vivenciar em nossa própria cidade. Assim, é urgente o engajamento de todos, cooperando com a Clin para o aumento do percentual de aproveitamento do material reciclável, em Niterói.
PARA PARTICIPAR DA COLETA
Contate a Clin, efetue o cadastro e obtenha as devidas informações.
e-mail: clin@clin.rj.gov.br, telefone 0800 22 2175 ou carta para a Rua Indígenas, 72, São Lourenço, Niterói, RJ.
ROTEIRO DA COLETA PORTA A PORTA
2ª feira: Icaraí, Santa Rosa, Fonseca e Ingá; 3ª feira: Região Oceânica, Centro, Ponta d`Areia, Ilha da Conceição e São Francisco; 4ª feira: Icaraí, Pendotiba, Barreto e Santa Bárbara; 5ª feira: Região Oceânica e Santa Rosa; e 6ª feira: Icaraí, Ingá, Itacoatiara e Engenho do Mato.
Imagem: Eco-Clin do Largo da Batalha, fornecida pela CLIN

NITERÓI IMPERDÍVEL – PRAÇA À BEIRA MAR

As belezas de Niterói são tantas que este blog reservou um espaço só para falar delas. Para quem gosta de caminhar à beira mar, Niterói tem uma orla privilegiada. São quilômetros de calçadas da praia de Charitas até a praia das Flechas, passando pela estrada Fróes.
Mas, nem só os caminhantes são atraídos para esses espaços da cidade. Especialmente ao cair da tarde, bem em frente à igreja de São Francisco Xavier, a Praça do Rádio Amador-Labré – RJ enche-se de vida.
Crianças fazem algazarra nos brinquedos, rapazes malham nas barras e pranchas para exercícios abdominais e os namorados ocupam os bancos. Do outro lado, a imperdível beleza do Rio de Janeiro. Em dia de casamento na igreja de São Francisco, é possível ouvir a trilha sonora da cerimônia.
Se a fome aperta, a partir das 17 horas, inúmeras vans oferecem cachorro-quente “com-tudo -que-se-tem-direito”.
Em uma delas, conversamos com Liza, que está na pracinha há quinze anos e conhece bem o gosto dos seus fregueses. “Tem um que janta cachorro-quente todas as noites” ela afirma.
Liza só reclama da queda do movimento que acontece nos dias de chuva e nas noites mais frias de inverno.
Como já estamos na Primavera, não perca tempo e vá conferir a dica.
Envie sugestões para eientretenimento@globo.com.
Imagem: Rafael Sardenberg

quinta-feira, 14 de outubro de 2010

PROFESSOR: AGENTE DA TRANSFORMAÇÃO

Em Outubro, comemora-se o dia da Criança (12) e do Professor (15). Isso não é por acaso. A relação criança/professor inicia muito cedo, é longa e de aprendizagem  mútua. Uma criança tem muito a aprender com o professor, mas como disse Guimarães Rosa, “Mestre não é aquele que sempre ensina, mas aquele que de repente, aprende.” Se estivermos em verdadeira relação com o outro, seremos capazes de aprender, até mesmo com bebês. Isso pode, e deve acontecer no ambiente escolar.
Nos dias de hoje, as crianças passam a conviver com a figura do professor com poucos meses de vida, quando são encaminhadas para a creche, onde passam o dia inteiro.  A primeira palavra e os primeiros passos, muitas vezes, acontecem fora do lar.
Aos quatro anos, são matriculadas na Educação Infantil. Nesta idade, precisam ser bem orientadas, pois muito do que for assimilado nessa etapa servirá de base para toda sua vida. A curiosidade e a vontade de fazer movem os pequenos.  A cada momento, novas descobertas são absorvidas, em um processo natural de aprendizagem. Nesta fase, o professor deve estar atento às manifestações de ciúme, raiva e competitividade, normalmente apresentadas. Se mal conduzidas e não compreendidas, poderão transformar-se em problemas futuros. É preciso trabalhar com as crianças atitudes como cooperação, respeito e afetividade.
Aos seis anos, é a fase da alfabetização. Um mundo novo se apresenta. É o mundo da leitura, da escrita... dos números... Tanta coisa a ser vivenciada a cada etapa; tanta experiência a ser trocada com colegas que podem ser transformados em amigos para sempre.
Durante todo o processo de escolaridade, a figura do professor estará presente. A responsabilidade de quem opta pelo magistério é imensa. Quem faz essa escolha precisa ter consciência de que seu papel não é só o de preparar para conquistar bons resultados nas provas ou no mercado de trabalho, mas principalmente, é o de conduzir o aluno para além do universo do conhecimento formal e educá-lo em sua totalidade: intelectual, física e emocional. É religar o ser humano a todas as manifestações de vida na Terra, possibilitando o surgimento de uma nova sociedade.
Em tempo de acelerada evolução tecnológica, é preciso deixar claro que o verdadeiro agente da transformação social é o professor. Por isso, os pais devem buscar, para os seus filhos, não só uma escola bem equipada, moderna, que utilize métodos “revolucionários”, mas dar preferência ao estabelecimento que ofereça um quadro de profissionais inteligentes, bem preparados e sensíveis no trato com os alunos.
Imagem: Professora Yonara Costa e seus alunos, fornecida pela Professora Yonara

SURF: KELLY SLATER PRÓXIMO DE SEU 10º TÍTULO MUNDIAL

Ao vencer a etapa de Portugal, realizada em Peniche, Slater aumenta a diferença em relação aos concorrentes e está prestes a colocar a mão na taça do título mundial pela 10ª vez. Na final, o eneacampeão derrotou o segundo colocado do campeonato deste ano, o australiano Jordy Smith. È a terceira vitória do americano em 2010: já havia vencido em Bells Beach e em Trestles.
Entre os brasileiros, Adriano de Souza, o Mineirinho, e Bruno Santos foram eliminados na repescagem da fase inicial da competição. Apenas Jadson André, derrotado na repescagem das quartas de final, obteve melhor colocação: ficou em nono lugar na competição.
Imagem: ASP

CAMPEONATO BRASILEIRO: VASCO VENCE O CORINTHIANS, QUE COMEÇA A FICAR EM SITUAÇÃO DIFÍCIL, NA LUTA PELA LIBERTADORES

Em São Januário, o Vasco, de Zé Roberto (foto, esquerda) venceu o Corinthians por 2 X 0, em jogo atrasado pela 18ª rodada. A defesa do Timão teve péssima atuação.
Em jogo também atrasado, mas dessa vez pela 13ª rodada, o Santos venceu o Inter, por 1 X 0.
Classificação
1º - Cruzeiro - 54 pontos
2º - Fluminense - 52 pontos
3º - Corinthians - 49 pontos
4º - Santos - 48 pontos
5º - Inter - 47 pontos
6º - Botafogo - 44 pontos
7º ao 9º - Atlético-PR, Grêmio e Palmeiras - 43 pontos
10º e 11º - São Paulo e Vasco - 41 pontos
12º - Ceará - 38 pontos
13º e 14º - Guarani e Flamengo - 34 pontos
15º - Vitória - 31 pontos
16º - Avaí - 30 pontos
17º - Atlético-GO - 29 pontos
18º e 19º - Atlético-MG e Goiás - 28 pontos
20º - Grêmio Prudente - 21 pontos
Imagem: Flickr do Vasco

quarta-feira, 13 de outubro de 2010

UTILIDADE PÚBLICA: DENGUE

É melhor prevenir do que remediar, diz o ditado popular. Na manhã de hoje, na Praça XV, Rio de Janeiro, vários servidores do Corpo de Bombeiros do Governo do Estado distribuíam o folheto educativo “PREVENIR A DENGUE UMA AÇÃO DE TODOS”. Por se tratar de assunto de utilidade pública, resumimos o informado no folheto:
ALGUMAS INFORMAÇÕES SOBRE A DENGUE
A dengue é uma doença transmitida pela picada do mosquito Aedesagegypti, infectado pelo vírus, principalmente no início da manhã e no final da tarde.
O mosquito da dengue se reproduz em recipiente com água parada e exposta, e seus ovos continuam vivos por até um ano. É importante evitar os criadouros de mosquito: a melhor maneira de prevenir a Dengue é impedindo a reprodução do mosquito. Não importa a época do ano, tendo água acumulada, o mosquito se reproduz, aumentando o risco de novas epidemias!
Os sintomas mais comuns da Dengue são febre, fraqueza, dor de cabeça, dor no corpo e por trás dos olhos. Podem aparecer dores nas juntas e manchas vermelhas na pele. A pessoa com suspeita de Dengue deve procurar o serviço de saúde, tomar bastante líquido e não fazer automedicação, evitando o uso de medicamentos à base de ácido acetil salicílico, como aspirina, AAS, Melhoral, dentre outros.
Se surgirem vômitos, sangramentos, dores abdominais intensas, pés e mãos frios, lábios roxos, queda de pressão, há possibilidade de ser Dengue Hemorrágica. Neste caso, é necessário o atendimento hospitalar, visando evitar a síndrome do choque, que pode levar à morte.
O QUE VOCÊ TEM FEITO PARA PREVENIR A DENGUE?
Tem colocado em sacos plásticos fechados os objetos sem utilidade (copos plásticos, potes e outras embalagens) que possam acumular água?
Tem colocado areia até a borda nos pratinhos dos vasos de plantas?
Tem mantido os reservatórios de água (caixa d’água, tonéis, latões, etc.) vedados, sem deixar espaço para o mosquito da Dengue entrar?
Tem fechado ou telado os ralos da área externa da sua casa?
Tem retirado a água acumulada na laje e nas calhas?
Tem guardado virados para baixo, garrafas de vidro ou pet, baldes e vasos de plantas se uso?
Tem lavado com bucha as vasilhas de água para animais domésticos?
Tem dado descarga, uma vez por semana, em vasos sanitários pouco usados e mantido sua tampa fechada?
Tem mantido secos e em local coberto os pneus sem uso?
Tem limpado e tratado com cloro, uma vez por semana, a piscina? Se não estiver sendo usada, cubra-a.
Caso haja espelhos d’água, lagos e cascatas decorativas em seu lugar de moradia, trabalho ou escola, mantenha-os sempre limpos, acrescentando cloro à água. Os mesmos cuidados devem ser tomados com relação ás pisicinas.
Precisamos estar atentos, a dengue pode ser fatal!
Imagem: latestnewsonline.net